As diferenças entre marketing tradicional e de conteúdo

O marketing é o primeiro setor a ser contratado na abertura de uma empresa. Entretanto, existem negócios que ainda insistem em seguir o modelo tradicional de divulgação. Afinal de contas, o que é esse tal de marketing de conteúdo?

Conteúdo, como a própria palavra já diz, é o que a sua empresa vai dizer sobre o produto ou serviço a ser ofertado. Porém, apenas falar bem não adianta. As pessoas querem saber mais sobre quem é você, o que você faz e como você pode ajudá-las.

Na internet

O tradicional é tudo aquilo voltado para os veículos clássicos de comunicação: propagandas para TV, anúncio em rádios e outdoors, além dos jornais e revistas impressas.

Mas ainda que este tipo de marketing seja muito utilizado, já não surte mais tanto efeito quanto nas décadas passadas.

Basta parar e pensar: quantas vezes você já não passou por uma ponte repleta de anúncios em outdoors, e de fato prestou atenção neles? E quando você assiste televisão, realmente se interessa pelos comerciais?

Com o boom das redes sociais, ficou cada vez mais difícil para os veículos e as empresas competirem pela atenção do cliente.

Afinal, com um celular na mão e infinitas possibilidades, por que se prender a apenas uma coisa quando é possível personalizar os anúncios para cada tipo de usuário?

Foco nos resultados

Não adianta mais ter um site ou rede social e dizer o tempo todo como o seu produto ou serviço é excelente e como ele é importante para as pessoas. Os usuários não estão buscando somente postagens e fotos bonitas, mas, de fato, qualidade.

Suponhamos que você, por exemplo, seja dono de uma marca de aparelhos celulares. Você decide criar redes sociais para divulgar o seu negócio. Entretanto, o atendimento das lojas que distribuem o seu produto é ruim. Ou um cliente comprou e não gostou da experiência. Ele não vai mais comunicar a você que não teve uma boa compra: ele contará para todos na internet.

No feedback do seu site ou rede social, ele poderá dizer para todo mundo: “não compre esse produto!”. Por fim, o cliente, querendo ou não, acaba fazendo propaganda para você… Boa ou ruim.

Uma das vantagens do marketing digital é possível ter uma resposta imediata dos clientes. Então, levantar relatórios e analisar o que precisa ser melhorado. Campanhas podem ser acompanhadas dia após dia, horário por horário.

O marketing digital é focado em resultados. Portanto, você não precisa esperar o veículo tradicional dar certo para colocar a mão na massa.

Como saber se o marketing digital é bom para a minha empresa?

Antes de pensar em uma estratégia para redes sociais ou sites, é preciso refletir se essa é a melhor maneira de atingir o seu público.

Por exemplo: seus potenciais clientes usam a internet com frequência? Eles estão nas redes sociais, consumindo informações e trocando ideias?

Caso a resposta seja sim, pode ser uma boa ideia começar a pensar em uma maneira de se fazer presente na internet. Dessa forma, você estará muito mais presente na vida dos seus clientes e fazendo parte do cotidiano deles, o que aumenta o vínculo e facilita suas vendas.

Que tal uma ajuda para turbinar seu negócio na internet? A Marketing 365 oferece soluções para você. Entre em contato e agende uma visita!

Persona: O que é e pra que serve?

O primeiro passo ao dar início a um artigo para o Marketing de Conteúdo é verificar quem é a Persona. A Persona se trata de um método de segmentação ao qual o negócio quer atingir no mercado. É o cliente ideal entre aqueles que fazem parte do público-alvo. Aliás, a segmentação de mercado é uma maneira de conhecer o público e definir a estratégia de atuação.

Para criar a persona ou cliente ideal é necessário fazer uma combinação de dados reais e dados fictícios. É necessário usar as principais características, hábitos, interesses e gênero. Posteriormente, as diversas características que uma empresa reunir, afim de criar uma persona, poderá determinar não só uma, mas sim, um grupo de clientes ideais.

Ao criar uma persona, a empresa poderá entender de maneira mais clara quem é o cliente e as necessidades que esse cliente possui porque isso fará com que a empresa saiba como atingi-lo de forma direta e perfeita. Com a elaboração desta ferramenta e conhecendo melhor a persona há a possibilidade de aumentar a movimentação do site e, principalmente, obter sucesso com as estratégias de marketing, assim aumentando o número de vendas.

Elaborar um conteúdo bem escrito, com uma estrutura boa não é o bastante para se ter sucesso. A estratégia usada tem a intenção de produzir conteúdo certeiros e que atinjam as pessoas interessadas no produto, o que torna mais fácil o curso do trabalho.

Qual a diferença entre Público-Alvo e Persona?

O público-alvo age de forma mais abrangente, podendo haver vários grupos com diferentes segmentos. Todas as pessoas com possibilidade de se interessar pelo produto e serviço prestado se torna um potencial cliente. O público-alvo possui uma definição mais ampla, sem citar os hábitos específicos. Já a persona foca no detalhe que o público-alvo tem de especial. A definição é mais específica, fala detalhes sobre o trabalho e os hábitos. Ela busca o consumidor ideal.

Não deixe de acessar o nosso blog para receber dicas e conhecer mais sobre o mundo do Marketing.

Fonte: Idealmarketing, Klickpages

Imagem: Pexel

Marketing: quanto vale seu conteúdo?

Os profissionais que atuam no marketing utilizando o Inbound Marketing estão sempre procurando por maneiras de atestar o valor do conteúdo que produzem. Para tal, utilizam de análises qualitativas e qualitativas. Nas qualitativas, verificam interações sociais relevantes. Nas quantitativas, calculam o desempenho das estratégias analisando os retornos financeiros.

Entretanto, para a realização desse trabalho, é necessária uma definição clara a respeito de seu conteúdo. Qual é o valor dele?

Portanto, no post de hoje, mostraremos um método de análise que pode ajudar a justificar seus investimentos e te ajudar a tomar decisões com base em dados. Além do mais, o método otimizará seus resultados. Continue lendo para se informar!

O Google Analytics é a ferramenta preferida para analisar o desempenho dos websites. Além disso, é gratuita e nela é fácil de navegar. Um recurso mais avançado desse produto é um dos menos utilizados durante as análises. O nome dele é “Valor da Página”, o Page Value, que mede como cada post, cada infográfico e cada vídeo publicado influencia nas conversões de meta do seu site.

O valor da página advém da seguinte equação:

Receita (valor de conversão) ÷ Visualizações de página únicas do conteúdo antes da conversão = Valor da Página

Ademais, é possível acessar esse relatório clicando em Comportamento > Conteúdo do Site > Todas as Páginas.

Tire insights relevantes deste relatório! Além de medir se o investimento na produção de conteúdo está trazendo retorno para seu site, você pode também:

  • enviar mais tráfego para páginas com bom valor de página, que ainda tem poucos visitantes;
  • descobrir padrões entre os usuários de diferentes dispositivos;
  • criar segmentações para medir a diferença de performance;
  • atrair usuários de canais com maior poder de compra;
  • analisar quais páginas tem mais ou menos valor para impulsionar conteúdos mais estratégicos.

Sendo assim, saber o valor de seu conteúdo é fundamental para que você trace estratégias de acordo com seus objetivos!

Portanto, conheça a Marketing 365!

Continue acessando nosso blog para se informar.

Fonte: rockcontent

Imagem: pixabay

A maneira certa de divulgar sua empresa

A internet pode ser (e é) uma grande amiga da empresa. Atualmente, praticamente todos os setores empresariais estão investindo nesse universo online. Isso porque, veem nele a possibilidade de se posicionar melhor frente ao público alvo. Por esse motivo, é importante que uma empresa esteja no mundo online. Para que o seu negócio se expanda e conquiste novos clientes, você precisa da ajuda de um profissional.

A ajuda de um profissional é super válida nesse momento visto que redes sociais, sites e blogs coorporativos precisam de atenção, já que são o canal que liga a empresa ao cliente. A ajuda de um profissional pode evitar alguns deslizes nesse percurso.

As agências de marketing se responsabilizam pelo conteúdo gerado e divulgado nas redes sociais. É de suma importância contar com esses serviços. Com elas, o seu sucesso e o sucesso de sua marca é garantido.

A Marketing 365 tem competência quando o assunto é marketing digital. Por isso, não perca tempo e conheça nossos serviços!

Acesse diariamente o nosso blog e tenha acesso aos nossos conteúdos!

Fonte: cicloagenciadigital

Imagem: freepik

Por que ter um profissional de marketing na sua empresa?

O mercado de marketing está crescendo cada vez mais. Essa área está ganhando cada vez mais destaque, mas você sabe qual é a importância do profissional de marketing para a sua empresa?

Neste post, esclareceremos algumas das principais vantagens de se ter um profissional de marketing trabalhando com a sua empresa.

Primeiramente, você sabe o que um profissional de marketing faz? Bom, o principal objetivo desse profissional é aumentar a venda do seu negócio. Então, só isso já é um excelente motivo para efetuar a contratação de um mercadólogo, não é mesmo?

Um marketeiro utiliza de diversas estratégias para atrair e fidelizar um cliente. No entanto, essa não é o único benefício que ele pode oferecer para a sua empresa. Confira 03 motivos para você contratar um profissional dessa área para a sua empresa.

Estudo dos concorrentes

Para que você se destaque no mercado é necessário conhecer os seus concorrentes. Saber o que as outras empresas do seu ramo estão fazendo é importante para você conseguir identificar o que pode ser feito para se destacar no mercado.

Aproximação com o cliente

Ter um relacionamento próximo com o seu cliente é o passo mais importante para fideliza-lo. Mas como fazer isso? É preciso conhecer o seu público alvo, seus hábitos, gostos e suas demandas. Dessa forma é possível que você se aproxime cada vez mais daquilo que ele precisa, até se tornar indispensável!

Identidade

Como sua empresa é lembrada? Qual é a visão que os seus clientes tem dela? O marketing é responsável por elaborar toda a identidade da sua empresa, fazendo com que ela seja lembrada de forma positiva pelos seus clientes. Ademais, humanizar a empresa é uma forma de se aproximar do seu publico, e os profissionais dessa área fazem isso muito bem!

Continue acessando o nosso blog para ficar por dentro do mundo do marketing!

Fontes: clicloagenciadigital, vhsys

Imagem: Google

IGTV: como fazer um post de sucesso?

O Instagram é a rede social mais badalada do momento. A muito tempo ela deixou de ser apenas uma plataforma para se conectar com os amigos. Seu sucesso fez com que ela se transforma-se em um excelente meio para expandir o seu negócio. Não é difícil encontrar casos de negócios que foram alavancados através das mídias sociais.

Ademais, esses aplicativos oferecem diversos recursos que, se usados da forma correta, podem ser o ponto de partida para o deslanche da sua empresa. O IGTV, é um desses recursos. Ele foi lançado há quase um ano, em junho de 2018, e vem fazendo muito sucesso desde então.

IGTV é a plataforma de vídeos do instagram. Além disso, seu formato foi pensado para se adaptar exclusivamente para o celular, por tanto, vídeos que fujam desse formato não vão proporcionar uma experiência agradável ao seu seguidor. Você pode acessa-lo por meio do instagram, ou através do app específico do IGTV.

O QUE POSTAR NO IGTV?

Da mesma forma que é necessário saber sobre as especificidades técnicas do IGTV, conhecer qual é o tipo de conteúdo relevante para essa plataforma também é essencial para obter sucesso nas postagens realizadas. Antes de tudo, é necessário saber quem é o seu público, seus hábitos, interesses, gostos, preferencias, enfim.. Tudo o que possa atrair a sua atenção.

Depois de coletadas essas informações, chegou a hora da criação de conteúdo. Você pode pensar no IGTV como uma extensão do stories. A maior diferença entre eles é a quantidade de tempo. Enquanto no stories você tem apenas 15 segundos de duração, no IGTV a sua duração é muito maior, podendo se estender em até 60 minutos!! Confira algumas dicas de conteúdo:

Tutoriais: Ensinar a fazer determinada tarefa sempre gera um alto número de engajamento. Se você é da área de moda e beleza, uma dica são os tutorias de maquiagem, penteados, ou até mesmo como montar um look. Mas se engana quem pensa que apenas quem é dessa área que pode fazer esse tipo de conteúdo. Exitem até canais mostrando como rebocar um parede! O importante é fazer, e fazer bem feito.

Bastidores: Mostrar os bastidores de alguma produção sua também é uma excelente ideia. Além de matar um pouco da curiosidade do seu público acerca o seu trabalho, essa atitude é uma forma de estreitar os laços com o seus clientes.

Impressões: Saiu um novo produto no mercado? Conte um pouco da suas experiencias com ele, compartilhe sua opinião, mostre como usar, se vale a pena investir o seu tempo nisso. Isso fideliza o seu publico e ainda te consolida como uma figura de autoridade no assunto.

Continue acessando o blog e fique por dentro de todas as novidades do mundo digital

Fontes: mLabs, nerdweb, opoderdaimagem

Imagem: Google

Com finalizar o seu texto para que seu leitor se interesse pelo seu blog

Saber finalizar o seu texto é importante para que o leitor retorne ao seu blog futuramente, ou até mesmo queira ler outros artigos imediatamente.

Se você conseguiu escrever um texto interessante, que prendeu a atenção do leitor até o final, você já pode ficar muito contente. Mas, isso não é motivo para dar menos importância a conclusão do seu texto.

Uma boa introdução é o que determina se o usuário prosseguirá lendo o seu artigo, um bom desenvolvimento é o que determina a qualidade em si do texto. Agora, uma boa conclusão é o que fará o seu leitor voltar ou não ao seu blog.

Ao finalizar o texto, você deve mostrar que existe outros conteúdos interessantes disponíveis, convidando o leitor a conferir outros posts. Além de falar sobre a frequência de postagem e chamar o leitor a acompanhar a sua página.

A seguir, te daremos algumas dicas para finalizar o seu artigo de forma mais eficiente.

Como finalizar o seu texto para fazer o leitor voltar ao seu blog

  • Não exagere ao retomar o assunto, esse é o momento de finalizar o conteúdo, você precisa apenas fazer as considerações finais e encerrar, sem muitos rodeios.
  • Indique posts relacionados, adicionando links as palavras chaves, e convidando o leitor a conferir mais artigos do blog.
  • Chame o leitor a voltar futuramente. Caso o seu blog tenha posts diários (o que é super interessante), essa é a hora de deixar isso claro.
  • Ademais, esse é o momento de dar os devidos créditos. Cite a sua fonte, suas referências e tudo mais.
  • Vale lembrar também que, uma boa conclusão deixa um gostinho de quero mais. Então, encontre uma maneira de despertar a curiosidade do leitor usando frases como “mais isso é assunto para um próximo post”. Assim, ele será incentivado a voltar ao blog para conferir.

Em suma, essas são as dicas para finalizar o texto. Seja breve, instigue o leitor a voltar, dê os devidos créditos, fale dos posts relacionados e encerre o artigo.

Espero que esse texto te ajude a não errar mais na hora da conclusão! Para mais conteúdo como esse continue acessando o nosso blog diariamente!

Fonte: micreiros

Imagem: Google

3 razões para criar um canal no Youtube para a sua empresa

Um canal no Youtube pode ajudar na divulgação das marcas. Apesar disso, algumas empresas não utilizam esse meio e perdem assim, uma grande oportunidade.

O Youtube é uma plataforma usada para hospedagem de vídeos. Sendo assim, ele pode ser um ótimo aliado na divulgação de conteúdo audiovisual das empresas.

Além disso, um canal no Youtube pode melhorar o relacionamento da empresa com o cliente, atualizando os consumidores sobre seus produtos e serviços, além de gerar uma série de oportunidades interessantes.

A seguir nós vamos te apresentar algumas razões simples, para criar hoje mesmo um canal para a sua empresa.

Ter um canal no Youtube mostra que sua empresa se mantém atualizada

O Youtube é um espaço onde as empresas podem reunir tutoriais, vídeos institucionais, entrevistas, entre outros conteúdos. E com tanta variedade, o seu negócio consegue estabelecer uma relação mais próxima com o consumidor. Além de mostrar que sua marca continua sempre ativa e inteirada.

O feedback dos clientes através dos vídeos do canal, permite a analise da demanda do seu público

Apesar de o ambiente virtual ser repleto de comentários maldosos, existem também as criticas construtivas e os elogios, que podem te direcionar a respeito do que o cliente espera do seu negócio, dos seus produtos e serviços.

Através dos comentários dos vídeos, é possível identificar qual a demanda do seus consumidores. Além disso, por meio deles é possível saber os pontos você está errando ou acertando.

O Youtube pode ser um espaço para fortalecer a identidade da sua marca

No seu canal, é interessante não só apresentar vídeos sobre produtos e serviços, mas também, sobre os valores da empresa. Nesse espaço, a empresa pode divulgar conteúdos exclusivos, que atraiam os clientes a acompanhar o canal, além de sugerir os links das outras redes, inclusive do site institucional.

O interessante a respeito dos vídeos, é que ele torna o conteúdo mais dinâmico, podendo ser completado também com algum texto na descrição.

Vale ressaltar também que, tudo isso é gratuito, então não tem porque não criar um canal.

Agora que você já sabe a importância de criar e divulgar, conteúdo audiovisual para a sua empresa, não perca tempo e crie agora mesmo o seu canal do Youtube!

Leia também: “Estratégias de marketing que vão fazer seu canal no youtube bombar!

Ademais, continue acessando o nosso blog diariamente para mais conteúdo como esse!

Fonte: Post Digital

Imagem: Google

Como driblar o bloqueio criativo: dicas que podem te ajudar!

Se deparar com uma folha em branco e nenhuma ideia é muito desanimador, não é mesmo? Por isso, nós vamos te dar dicas de como driblar o bloqueio criativo!

Primeiramente, os bloqueios criativos ocorrem quando há uma dificuldade de criar algo novo. Seja por falta de ideias ou de inspiração, esse cenário é sem dúvidas, o pior pesadelo de qualquer criador de conteúdo!

Antes de mais nada, nós vamos listar alguns aspectos que podem estar causando o seu bloqueio criativo.

  • Perfeccionismo: normalmente, as pessoas tendem a ser muito auto criticas. Ou seja, nunca estão satisfeitos com o conteúdo que produzem e por isso, perdem muito tempo com detalhes.
  • Medo de rejeição: as vezes, nós não conseguimos confiar no nosso próprio trabalho. Então, acabamos sofrendo ao antecipar as criticas dos outros.

Agora nós vamos te dar dicas práticas de como otimizar o seu processo criativo!

  • Fuja das distrações, não fique sempre olhando o celular
  • Escreva de forma livre e só depois corrija
  • Pare um pouco, ouça uma música, beba uma água e depois volte ao seu texto
  • Deixe as idéias fluírem, sem julgá-las boas ou ruins, esse não é o momento para analisá-las
  • Direcione a sua escrita para um ponto especifico

Por fim, após ter escrito um volume grande de palavras, filtre as boas idéias e só então, comece a corrigir e completar o seu texto.

Usando essas dicas você otimizará o seu tempo de escrita e produção de conteúdo e terá melhores resultados!

Ademais, continue acessando o nosso blog diariamente.

Fonte: neilpatel

Imagem: Google

Como escrever uma boa introdução: Convença o leitor a ler o seu texto

Primeiramente, escrever uma boa introdução é o que determina se o seu leitor irá até o fim do seu texto. Por esse motivo, vamos te dar algumas dicas para não errar mais.

Como escrever uma boa introdução

Ante de tudo, você precisará entender qual o papel da introdução do seu texto.

As primeiras palavras do texto servem para, começar o assunto. Ou seja, introduzir ao leitor qual tema será tratado ao decorrer do mesmo.

Além disso, nesse primeiro momento, você deve explicar qual problema ele irá solucionar ao ler o seu texto.

Então vamos lá! A seguir iremos apresentar alguns pontos importantes para escrever um bom texto.

  •  A introdução precisa ser atraente e cativante, despertando interesse no seu leitor. Para isso, você pode fazer alguma pergunta logo no inicio do texto, deixando uma dúvida no ar
  • Desperte as emoções dos leitores! Quando você consegue provocar sentimentos nas pessoas, elas têm mais chances de continuar lendo o seu texto
  • Diga do que se trata o seu texto sem estragar o final. Ou seja, exponha o assunto que será tratado, sem entregar o final
  • Você pode utilizar de gatilhos mentais, para induzir as pessoas a continuar lendo

Pronto! Agora você já sabe como iniciar os textos do seu blog.

Não deixe de implementar alguma dessas dicas em seus próximos textos, para alcançar melhores resultados.

Continue acessando o nosso blog para mais dicas.

Fonte: rockcontent

Imagem: Google