O Youtube é o segundo maior buscador do mundo e, como todo buscador, ele tem algorítimos próprios. Isso ocorre porque ele utiliza dados para levar aos usuários os vídeos que eles tendem a assistir e, assim, os mantém dentro da plataforma. Entretanto, para que um vídeo produzido por você seja sugerido e se popularize nessa plataforma, você precisa entendê-la direito.

Antes de tudo, cabe ressaltar que em cada vídeo vários fatores são levados em consideração. Até mesmo se os espectadores gostaram e assistiram o conteúdo é importante. Por isso, no post de hoje você aprenderá como funciona o algorítimo do Youtube. Dessa forma você poderá usar essa ferramenta à favor! Continue lendo para saber.

Primeiramente, precisamos conceituar o que significa a palavra “algorítimo”. De acordo com o dicionário, algorítimo é um conjunto de regras e procedimentos perfeitamente definidos. Esse regulamento leva à solução de problemas em um número preestabelecido de etapas. Logo, podemos entender que o algorítimo do Youtube é um conjunto de processos lógicos. Eles analisam os conteúdos e os vídeos para que sirvam melhor e para que sejam ainda mais atrativos para a audiência.

Algumas métricas importantes para o algorítimo do Youtube:

Impressões de thumbnail

Com essa métrica é possível ver o comportamento de distribuição do vídeo na plataforma, até mesmo ao longo do tempo. É possível fazer cruzamentos com outras métricas e entender como a performance dos últimos conteúdos publicados interferem nos resultados de impressão dos seus conteúdos futuros.

Taxa de impressão de thumbnails

Essa métrica se deriva da impressão de thumbnails e dos cliques e demonstra que ao comportamento do clique dos usuários independe do tempo. Ou seja, se uma thumb é boa hoje, ela continuará sendo boa amanhã. Se a thumbnail for ruim, ela permanecerá sendo ruim no futuro e te renderá menos cliques. Essa métrica ajuda a descobrir se suas thumbs estão funcionando e se são chamativas o suficiente para atrair acessos.

Visualizações únicas

Com a análise dessa métrica é possível ter acesso à frequência de consumo de um único usuário. Isso é, é possível analisar quantos vídeos, um após o outro, o espectador consome. Além disso, é possível medir a taxa de permanência dos inscritos no canal ao longo do ano. Essa métrica te ajuda a entender se há desistências, renovações ou crescimentos na sua base engajada de fãs.

É fundamental que você entenda os algorítimos dessa plataforma para que seu conteúdo seja acessado.

Planejamentos e estratégias de marketing digital tem muito à acrescentar ao seu negócio.

Por isso, conheça a Marketing 365!

Continue acessando nosso blog.

Fontes: playdeprata, meioemensagem, rockcontent

Imagem: unsplash

 

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *